O profissional de comunicação já era

Uma vez usei essa expressão num evento de comunicação e quase levei pedrada. A platéia era praticamente de…. profissionais de comunicação. O que quis dizer é que o profissional do jornalismo tradicional (aquilo que todos aprendem na escola de jornalismo) está mudando radicalmente de papel. É obvio que ainda existem milhares de profissionais do velho e bom jornalismo, mas a tecnologia e o mundo online está tornando cada cidadão desse planeta num jornalista em potencial. Todos nós participamos de redes sociais, blogs e outros fóruns de discussão. Cada um de nós externa opiniões, avalia situações, escreve histórias e influencia pessoas. Isso é ou não é jornalismo??? Enfim, extremando um pouco mais esse conceito, podemos imaginar um dia em que os jornais serão publicados somente com as cartas, e-mails e histórias enviadas pelos próprios leitores e colaboradores do jornal. O mesmo vai acontecer com os fotógrafos. Todos nós agora carregamos máquinas fotográficas de alta resolução e celulares carregados de recursos tecnológicos, como fotografia, gravador de voz e até vídeo. Enfim, todos nós somos jornalistas em potencial.
Diante de todo esse cenário avassalador, vejo o papel do jornalista mudando radicalmente nos próximos anos, mas isso é papo mais pra frente. Será que a gente consegue imaginar como será o jornalista do futuro?