Todo o Acervo de 40 Anos de VEJA na Internet

  • Outros

Eu já tinha recebido o link, mas nunca tinha tido tempo para experimentá-lo. Entrei hoje com intuito de passar uns minutinhos para conhecer esse tal acervo digital da revista Veja. Foi impossível parar, acabei navegando mais de uma hora.

Trata-se de uma fonte riquíssima de pesquisa. Indispensável. É a história do país na sua frente. Soube que foram investidos R$ 3 milhões no projeto, que exigiu 12 meses de intenso trabalho. O projeto foi desenvolvido pela própria Veja em parceria com a Digital Pages, empresa responsável por estruturar a digitalização de cada uma das mais de 2 mil edições e convertê-las em revistas digitais. Dado o porte do projeto, uma equipe de 30 pessoas foi montada para cuidar desde o desgrampeamento das edições impressas até a publicação dos quase nove milhões de arquivos que compõem o acervo.

Está tudo lá. Qualquer um pode acessar as reportagens, entrevistas e até mesmo os anúncios já publicados em 40 anos de existência da revista Veja. Tudo grátis e com qualidade digital. Todas as edições estão disponíveis, desde a primeira publicada em 11 de setembro de 1968. Além de tudo é fácil e gostoso de navegar. O acervo digital segue a estrutura da própria revista, ou seja, o usuário navega na web como se estivesse folheando a publicação.

Separa a pipoca e o guaraná pois você não vai conseguir parar…

Eis o link ==> www.veja.com.br/acervodigital

Foi bem legal navegar por algumas edições históricas como aquela da impeachment do Collor, cuja capa é inesquecível. Mas quer saber o que mais gostei? Foi ver alguns anúncios antigos. Encontrei o Tigre da Esso, O Sabor para Quem Sabe o Quer de Minister, O Importante é ter Charme, o Maverick, a Tergal e até a elegante e moderna máquina de escrever da Remington. Sem deixar de lembrar do Volkswagem 1.600, que na época era chamado de Fusca 4 portas. Alguém lembra ???
Clica em cima das fotos e divirta-se.